Arquivo para outubro \31\UTC 2009

Vivo: conexão com os consumidores

Por Maria Fernanda Teperdgian

Não é a toa que a Vivo tenha sido premiada pelo Top of Mind Internet 2009 como uma das operadoras mais lembradas pelos usuários que navegam pela rede. A Vivo apresenta para seus consumidores um espaço virtual bem acessível.

O site da Vivo traz informações atualizadas sobre novas promoções, lojas da empresa, celulares em lançamento e serviços da Vivo em geral. O site indica o link para o canal da operadora no YouTube . Através dele, os usuários podem conferir os principais comerciais da operadora, as novidades sobre a internet 3G da Vivo, e participar de concursos como o “Concurso Cultural – Como você se conecta a Brasília em 49”, no qual pessoas comuns podem enviar vídeos com projetos e filmes.

Tentando atrair um público cada vez mais antenado com as novas tecnologias, a Vivo lançou o Vivo Blog. No endereço são postadas novidades, quase que diárias, sobre tecnologia e mobilidade. Os dados mostram que o Blog tem se tornado uma ferramenta importante para o contato com o público: foram mais de 600 mil visitas e cerca de 4 mil comentários publicados durante esse primeiro ano em que está no ar.

O Blog também possuí uma página no Twitter (@Vivoblog), uma forma prática que a Vivo encontrou de atualizar os seguidores sobre as novidades informadas pelo Blog. E por falar em Twitter, a operadora conta com mais duas frentes nesse novo espaço virtual: o @Vivoemrede, que já soma mais de 11 mil seguidores, e o @Reportervivo , que informa o futuro da seleção brasileira para os fãs de futebol ( a Vivo é patrocinadora oficial da seleção, e por isso direciona sua mídia para esse público também).

Mas a interatividade não para por aí. A Vivo também possui o  Conexão Vivo que é um portal colaborativo sustentado por uma rede social online formada por músicos, animadores, associações, coletivos, entidades e interessados em cultura de uma forma geral. Nele, existem quatro canais: Música, Animações, Pessoas e Comunidades. A idéia é integrar, transformar e inovar as formas de relacionamento com o ambiente da música.

Em sua nona edição (2009), o Conexão Vivo amplia sua rede de relacionamentos e passa a integrar festivais independentes de todo o Brasil. A entrada de Festivais para a rede Conexão promove uma articulação nacional que busca descentralizar a produção musical. Além do site, os interessados podem encontrar mais informações pelo MySpace e no twitter @conexaovivo.

Volkswagen: é internet, internet mesmo

Algumas empresas caíram na real da mídia digital. A Volkswagen, um dos mostros do sempre lucrativo mercado automobilístico, tem algumas sacadas que, mesmo sem ter  totalmente o seu aval, trazem lá os seus resultados, seja para o bem ou para o mal.

Em 2005, época em que o Youtube ainda engatinhava, o comercial acima chegou ao número de 2.3 milhões de downloads ao redor do mundo, sendo um dos mais assistidos naquele ano. O fato curioso: foi feito por dois publicitários que acabaram “abandonados” pela própria Volks tendo em vista a toda a polêmica em torno do conteúdo. Neste mesmo ano, a empresa foi bambardeada por uma série de boatos a respeito de orgias promovidas pelo seu alto escalão no Brasil. Como a internet não perdoa ninguém, neste site estão arquivadas uma série de reportagens a respeito do caso, que envolvia até mesmo uma ex-miss Brasil.

Nas redes sociais, a Volkswagen aproveita o sucesso da campanha publicitária brasileira do jargão “carro, carro mesmo” para nomear o seu perfil oficial no Twitter para os brasileiros, o @carromesmo. Pesquisando pela marca, encontramos uma série de tuitadas a respeito de novas tecnologias para automóveis, sendo a maioria das mensagens capitaneada não pelos veículos oficias, mas por colunistas como David Pogue, do caderno de tecnologia do New York Times.

Porém, o grande sucesso do momento é a campanha viral “The Fun Theory“, que traz uma série de vídeos com idéias inovadoras e intervencionistas, como a famosa “escada piano” na Suécia:

No canal oficial do Youtube, por sinal, também é possível acompanhar outros trabalhos interessantes, como a campanha publicitária para a Mojor League Soccer, o campeonato de futebol profissional dos Estados Unidos, cujo contrato de publicidade foi renovado por mais quatro ano no começo de 2009.

Na versão nacional do site da empresa, é possível encontrar hotsites de promoções e informações sobre futuros lançamentos no país. Lá, também encontramos o Volkswagen 2028, um trabalho de previsão  do futuro feito a partir do depoimentos dos principais especialistas da empresa. Vale a pena dar uma conferida.

Por Luiz Cabral

Analisando a Skol na Web

Marca escolhida:  Skol

Redes pesquisadas: twitter, facebook, orkut, youtube, wikipedia

O portal da Skol é super diferente, interessante e trabalha muito bem as cores, a marca e identidade visual como um todo. O que me parece ser contraditório é o fato de se tratar de uma bebida alcoólica e patrocinar eventos esportivos, series adolescentes (MTV “descolados”) e conseguir transmitir uma sensação de felicidade, alegria e inclusão social aos ‘bebedores’ da cerveja.

Tem o Skol TV, que é seu canal no you tube, onde disponibiliza seus vídeos, propagandas e produções independentes sobre festas e eventos esportivos.

Trabalha com imersão e realidade aumentada (com pouco interação ou interatividade limitada)

Possui ‘microsites’ dentro do site que abrem para conteúdos e canais específicos

As frases de efeito e links de propagandas curiosas e criativas são replicadas aos montes no twitter;

O perfil @skol é de um usuário e não da empresa. O perfil oficial é @cervejaskol, mas não possui atualizações. Acredito que não há buscas de usuários e publico-alvo, segue 3 perfis e é seguido por 160 pessoas

No orkut, a maior parte das comunidades fala bem e associa a marca com suas festas.

Canal no youtube http://www.youtube.com/user/skoltv no ar desde 15 de maio de 2009

Boletins Skol Surf sobre eventos ligados ao esporte, é patrocinador oficial do WQS Brasil, possui produções com equipe de repórteres

Possui uma pagina na wikipédia contando a historia, curiosidades, slogan

EPIC: futurologia ou verdade?

33ª Mostra de Cinema: Mais Internacional que Nunca

Por Fabio Ornelas e Renato Garcia

Foi dada a largada para a 33ª Mostra Internacional de Cinema em São Paulo, que este ano conta com 424 filmes, de 57 países, exibidos em 23 salas espalhadas pela cidade até o dia 5 de novembro.

A edição de 2009 integra o Ano da França no Brasil e presta uma homenagem à atriz francesa Fanny Ardant com uma mostra de alguns dos filmes em que atuou, como ‘A Mulher do Lado’ (François Truffaut), ‘Crimes de Autor’ (Claude Lelouche), e ‘O Jantar’ (Ettore Scola). Além disso, a atriz estará presente no evento para promover seu primeiro filme como realizadora, ‘Cinzas e Sangue’.

Outro homenageado da Mostra é o diretor grego  Theo Angelopoulos, que também apresentará seu novo longa, ‘The Dust Of Time’ , além de ser prestigiado com uma retrospectiva de seus mais célebres filmes, a exemplo de Um Olhar a Cada Dia (1995) e A Eternidade e um Dia (1998), vencedor da Palma de Ouro em Cannes .

O cinema sueco também marca presença com uma programação especial que proporcionará aos cinéfilos a oportunidade de conhecer os trabalhos de dois de seus grandes realizadores: Hasse Ekman, diretor contemporâneo de Ingmar Bergman e o diretor indicado ao Oscar Jan Troell (‘Os Emigrantes’, indicado a várias categoria no Oscar, incluindo melhor filme).

Dentro da Perspectiva Internacional, três lançamentos se destacam:

‘Abraços Partidos’, a mais nova película de Almodóvar (que esteve na última mostra competitiva no Festival de Cannes) marca a quarta parceria do diretor com a atriz Penelope Cruz e conta a história de um diretor de cinema que, após sofrer um grave acidente, relembra um antigo amor do passado.

 

Outro destaque é  ‘Aconteceu em Woodstock’, de Ang Lee, que, depois de inúmeras incursões dramáticas, investe na comédia ao narrar os acontecimentos que culminaram em um dos festivais de música mais famosos da história. 

Já  ‘A Fita Branca’ , do polêmico diretor austríaco Michael Haneke, foi o ganhador da Palma de Ouro em Cannes e narra, com grande apuro técnico, histórias de intolerância em um pequeno vilarejo protestante no norte da Alemanha às vésperas da Primeira Guerra Mundial.

Mas não são só os estrangeiros que tomam as telas da Mostra Internacional. O cinema brasileiro também marca presença com um número recorde de filmes: são 92 longas-metragens, 49 curtas-metragens e 2 médias-metragens.

Entre os destaques nacionais estão ‘Insolação’, de Felipe Hirsch e Daniela Thomas, ‘Viajo Porque Preciso, Volto Porque Te Amo’, de Karim Aïnouz e Marcelo Gomes, e ‘Os Famosos e os Duendes da Morte’, de Esmir Filho, ganhador do Festival do Rio.

Agora é se programar para não perder o melhor desta maratona. Os ingressos podem ser adquiridos nas bilheterias das salas de exibição ou antecipadamente no site da Ingresso.com.

Mesmo com IOF investimentos estrangeiros atingem recorde

Por Ana Carolina Cortez e Natalia Sarkis

A cobrança de 2% do IOF (Imposto sobre Operações Financeiras) sobre o ingresso do capital estrangeiro no Brasil, em renda fixa e variável, não afetou negativamente o mercado financeiro até o momento. O imposto entrou em vigor no último dia 20, com o objetivo de reduzir o capital especulativo no país.

Conforme divulgado hoje (24) pela Folha de S.Paulo, o investimento estrangeiro em ações de empresas brasileiras atingiu em outubro o maior valor em 60 anos. Com menos de uma semana para o fim do mês, o Banco Central já registrou transações de mais de US$ 13 bilhões, o que representa mais de 40% do total de dinheiro direcionado para este mercado. No acumulado de 2009, o capital estrangeiro na Bolsa de Valores chegou a US$ 20 bilhões. Quando consideramos os aportes estrangeiros em renda fixa, principalmente em títulos públicos, o total de investimentos atinge a casa dos US$ 40 bilhões.

A alta no fluxo de dólares dentro do país foi o motivo apontado pelo ministro da Fazenda, Guido Mantega, para taxar o ingresso do capital estrangeiro. “Nossa preocupação é o excesso de especulação. Se permitirmos valorização excessiva do real, o exportador será prejudicado e, consequentemente, o emprego do brasileiro”. De acordo com Mantega, 25% da produção industrial do Brasil é direcionada para exportação.

Segundo levantamentos da Receita Federal, a taxação de 2% de IOF sobre os investimentos estrangeiros pode gerar uma arrecadação de R$ 4 bilhões anuais aos cofres públicos.

Reação

Conforme divulgado ontem (23/10) pela Reuters, a Bovespa registrou saída líquida de estrangeiros de mais de R$ 1 bilhão no primeiro dia (20) de vigência do IOF sobre os investimentos externos. No fechamento do mercado do dia, o Ibovespa apresentou queda de 2,88%, a maior em quatro meses. Com a tributação, o volume de reservas nacionais sofrerá significativa redução, pois são compostas em grande parte pelo capital estrangeiro de curto prazo.

O país, contudo, mantém sua atratividade para os olhos dos investidores estrangeiros. Segundo pesquisa divulgada pela consultoria Uptrand, o Brasil ocupa a quarta posição do ranking de juros nominais – base de remuneração de investimentos –, atrás somente da Venezuela (18,13%), Argentina (11,15%) e Rússia (10%).

Venda de ingressos para show de Coldplay começa em outubro

Por Caroline Pellegrino e Leandro Cacossi

   A vida vai ficar mais bela para os fãs da britânica Coldplay, a partir de 31 de outubro, quando começa a venda de ingressos para a turnê Viva La Vida.  A venda será exclusiva para os clientes dos cartões Credicard, Citibank e Diners Club internacional, que terão até o dia 6 de novembro para a compra.  

   O público em geral só poderá comprar,  a partir da 0h do dia 07 de novembro.  A apresentação em São Paulo será no dia 02 de março e no Rio, em 28 de fevereiro.    A compra pode ser feita através do www.ticketmaster.com.br. No dia 07 de novembro,  a partir das 9h, os amantes de Coldplay podem  adquirir a entrada também pelo call center ( 4004-2060), às 10h nos pontos de venda e a partir das 12h na bilheteria oficial do show, no estacionamento anexo do Credicard Hall (av. das Nações Unidas, 17.981, Santo Amaro, região sul, São Paulo, SP).

     O álbum Viva La Vida foi o mais vendido em 2008, no mundo inteiro. Foram mais de  6,8 milhões de cópias  vendidas. O ritmo indie rock, com composições  instrumentais é um dos atrativos que a banda oferece ao público.   O carisma dos quatro componentes, (Chris Marin, Jon Buckland, Guy Berryman e Will Champion) também são apontados pelos amantes de Coldplay como marca registrada do grupo. Confira o som dos rapazes em: http://www.myspace.com/coldplay.

      Para outras informações, acesse o site oficial da turnê em http://www.showcoldplay.com.br/ e acompanhe as novidades no Twitter do show: http://twitter.com/showcoldplay

DISCOGRAFIA
 
  • 2000 – Parachutes
  • 2002 – A Rush of Blood to the Head
  • 2005 – X&Y
  • 2008 – Viva la Vida or Death and All His Friends